Israel Souza

julho 6, 2020 Off Por Leandro Colling
Please follow and like us:
RSS
Follow by Email
Facebook
Google+
http://politicasdocus.com/2020/07/06/israel-souza/
Twitter

 

 

Artista negro, gay, cantor e performer. Nascido no estado de Alagoas (Campo Alegre) e radicado em Salvador, se considera AlaBaiano. Doutourando  no primeiro programa de Pós-graduação em Dança público do Brasil e no mundo, Graduado e Mestre em Dança pela UFAL/UFBA e com uma trajetória musical empírica referenciada nas mulheres de sua família e nos clássicos da Música Popular Brasileira, iniciou a sua carreira profissional nas artes no Balé Desiderium, no qual passou a dançar e cantar em eventos locais. Ingressou no curso de Dança da UFAL, Maceió (2008), e viajou em seguida para Europa, onde participou dos festivais de dança de Confolens e Martigue, na França. Integrou as principais companhias de dança de Alagoas de 2008 a 2013 e depois mudou-se para Salvador, onde conquistou o título de Mestre em dança. É professor e artista da cena independente com a performance Corpovoz. Entre seus trabalhos, se destacam o show Desnudaboca, que reúne quatro linguagens das artes, e a performance O guerreiro bronze, executada em 2016, no Porto da Barra, em coprodução de Marie Tahuront, pela qual se tornou conhecido na cena soteropolitana. Presente na cena da música, performance e dança, cantando com Johnny Hooker e Elza Soares em 2019, seus trabalhos constroem um discurso político que defende a existência dos corpos dissidentes da heterocisnormatividade e a desconstrução dos estereótipos da normalidade social.

 

Obras selecionadas: O guerreiro bronze; Corpovoz; Desnudaboca

Links:

INSTAGRAN: https://www.instagram.com/israelsouzadesnudaoficial/

FACEBOOK: https://www.facebook.com/israel.santos.98

Palavras-chaves: corpovoz; dança; música; resistência; performance

Please follow and like us:
RSS
Follow by Email
Facebook
Google+
http://politicasdocus.com/2020/07/06/israel-souza/
Twitter